terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Eike Batista patrocinou UPPs e teme morrer na prisão

Empresário doou R$ 20 milhões para projeto de Unidades de Polícia Pacificadora no Rio

© Ueslei Marcelino / Reuters

POR NOTÍCIAS AO MINUTO

O empresário Eike Batista, preso nesta segunda-feira (30) no Rio, tem medo de ser morto na cadeia. Isso porque o milionário doou R$ 20 milhões para o projeto das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs).
As informações são da coluna Radar On-Line, do site da revista Veja.
Por meio das UPPs, a polícia passou a controlar regiões dominadas por traficantes. Sem curso superior, o empresário deve ser preso em cela comum.
LEIA TAMBÉM: 

Nenhum comentário:

DST pouco conhecida preocupa especialistas

A 'Mycoplasma genitalium' (MG), bactéria causadora de doença sexualmente transmissível, já tem mostrado resistência aos antibióti...