Postagens

Mostrando postagens de Maio 3, 2015

A UM AMIGO DISTANTE

Imagem
Você ai tão longe.  Por que não me pede noticias?
Por que não manda também ? Por acaso você sabe como vão as coisas ? Você sabe como vou eu?  Não. Nem sequer sabe que mudei de endereço, que encrespei o cabelo, que já não sou a mesma. As coisas continuam a acontecer , engraçadas e tristes, alegres e sombrias, mas eu não sou a mesma.  Como todo o mundo, eu absorvi o tempo e a minha idade cresceu. Ando ainda em busca de emoções ?  Talvez sim. No dia-a-dia, pequenas aventuras, pequenos nadas, grandes nadas, grandes vazios.

Ultimamente uma obsessão: o tempo passa muito depressa.  E o que a gente faz com esta segunda, esta terça, esta quarta, esta quinta, esta sexta-feira? Este fim de semana? Estes dias todos que correm num ritmo alucinado? Hoje já é junho, amanha será natal depois de amanhã o ano 2008.  Ah!... Se eu pudesse agarrar um momento bom desta vida! brincaria com ele indefinidamente, o tempo eternamente parado,eternamente preso em minhas mãos ...
Os momentos se perdem rapidamente no passado;…

10 coisas que o mundo me ensinou e tive que desaprender

Imagem
Por Clara Baccarin
Pretendo escrever um texto curto sobre esse assunto que para mim é tão vasto. Listar 10 coisas que tive que desaprender na vida é quase como escrever a biografia do meu descaminho, já que na maioria dos dias, eu levo minha vida justamente num remar contra a maré, num contestar padrões e num contradizer valores. Mas prometo ser sucinta desta vez, apontar essas 10 coisas escolhidas ao léu nessa terça-feira ensolarada, depois de tantos dias nublados e nessa casa cheia de janelas insinuantes e convidativas olhando pra mim enquanto escrevo e dizendo “vem logo pra vida!” Pretendo ser sucinta no texto porque hoje o dia é lá fora, e a introspecção ficará esperando a quarta-feira. A boa consequência é que você também poderá ler isso aqui rapidinho. Então vamos lá! 10 coisas que o mundo me ensinou e eu tive que desaprender 1. Aprender a desaprender Acho que quero dizer com isso que aprendi a analisar antes de concordar com o que já vem pronto, e analisar pode ser uma atividad…

Game transforma a casa do jogador em cenário de terror

Imagem
Ambiente usado no jogo é casa do próprio jogador - REPRODUÇÃO

RIO — Imagine andar pelo corredor da sua casa e, quando entrar no seu quarto, dar de cara com um fantasma. É isso o que promete o jogo “Night Terrors”, que está levantando fundos no site de financiamento coletivo Indiegogo. Com o uso da realidade aumentada, o game faz um mapeamento digital do ambiente e, com a câmera e a lanterna do flash, cria efeitos aterrorizantes dentro da casa do jogador.


“Nosso objetivo é criar o jogo mais assustador de todos os tempos”, definem os produtores no site da campanha de financiamento. “É um jogo de horror muito imersivo, realístico e de realidade aumentada para dispositivos móveis. O jogo se passa em casa, após o anoitecer, com as luzes apagadas e os fones de ouvido colocados. É na sua casa. No seu apartamento. No seu ambiente”.

Pelo mapeamento prévio do ambiente, o sistema entende onde o jogador está e explora essa informação para criar situações assustadoras. No vídeo de demonstração, quadr…