Argentinos assam parrilla em carrinho de supermercado no RS

25/06/2014 18h33 - Atualizado em 25/06/2014 18h48

Dupla montou estrutura improvisada para preparar as carnes.

Estrangeiros comemoram vitória de 3 a 2 diante da Nigéria, no Beira-Rio.


Vinícius Guerreiro

Do G1 RSArgentinos fazem 'parrilla' em carrinho de supermercado (Foto: Vinícius Guerreiro/G1)

Depois de ver a vitória da Argentina por 3 a 2 sobre a Nigéria, uma dupla de torcedores do país vizinho resolveu comemorar no melhor estilo: com uma parrilla, o famoso churrasco do país sul-americano. No largo Zumbi dos Palmares, no bairro Cidade Baixa, eles demonstraram criatividade ao colocar as carnes e o fogo em um carrinho de supermercado.
Cabajara Jose, de 44 anos, e Marco Garrido, de 45, usaram tijolos para acomodar o carvão na estrutura. Os dois dormem na cidade e deixam a capital gaúcha nesta quinta. "Estamos fazendo uma parrilla para comemorar. Voltamos amanhã para Córdoba" contou Cabajara ao G1.
Parrilla churrasco argentina porto alegre (Foto: Vinícius Guerreiro/G1)Argentinos comemoram com "parrilla"
(Foto: Vinícius Guerreiro/G1)
A movimentação dos estrangeiros é grande. Na Fan Fest, por exemplo, um novo telão foi instalado na Orla do Guaíba para possibilitar que mais torcedores pudessem assistir à partida que garantiu a classificação argentina em primeiro lugar no Grupo F.
Na saída do estádio Beira-Rio, palco da partida, os argentinos puderam circular sem transtornos. Logo após o término, a multidão de torcedores seguiu para diferentes pontos de Porto Alegre, principalmente para ruas e bares da Cidade Baixa.
Invasão argentina no Beira-Rio
Desde as primeiras horas da manhã, torcedores argentinos lotam o Caminho do Golem Porto Alegre em direção ao Beira-Rio. Ao contrário dos outros jogos, uma grade foi colocada entre o estádio e a Avenida Padre Cacique. O objetivo era deixar os torcedores um pouco mais longe e montar uma barreira de proteção do Batalhão de Operações Especiais (BOE).
O esquema funciounou e não houve invasões ao perímetro limitado pelas barreiras. Fora da área delimitada, porém, houve incidentes. Em um dos casos, um torcedor catarinense foi atacado por um grupo de pessoas, alguns usando camisas da Argentina. Ele teve uma sacla e o ingresso roubados pelos agressores.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PALETES E CAIXOTES DE MADEIRA NA SUA CASA JÁ!

Reencarnação e Alma dos Animais por Chico Xavier

A flor mais rara do mundo