Enfim, algum com coragem de dizer as verdades: "Mujica sobre Cristina: "Esta velha é pior que o caolho"


Presidente uruguaio comete gafe ao criticar presidente da Argentina sem perceber que microfone estava ligado


Em junho de 2002, o então presidente do Uruguai, Jorge Batlle, viajou a Buenos Aires para pedir desculpas pela frase "Os argentinos são um bando de ladrões, do primeiro ao último", que proferiu a jornalistas estrangeiros, criando uma crise com a nação vizinha.
Ontem, foi a vez de José "Pepe" Mujica imortalizar a própria gafe. Mas Mujica diz que nem pensa em se retratar.
– Esta vieja es peor que el tuerto (Esta velha é pior que o caolho) – disse o uruguaio durante uma entrevista coletiva em Sarandí Grande, a 138 quilômetros de Montevidéu.
Ele se referia à presidente argentina, Cristina Kirchner, e ao ex-presidente Néstor Kirchner, marido dela, morto em 2010 e que era estrábico. O evento estava sendo transmitido na internet pela presidência do Uruguai. Mujica estava rodeado de partidários políticos e autoridades, entre eles o prefeito de Sarandí Grande, Carlos Enciso, com quem conversava em um tom mais baixo do que o normal pouco antes do início da entrevista. Mujica falava sobre as relações com os países vizinhos – Brasil e Argentina – e não percebeu que os microfones já estavam ligados.
– Para conseguir algo com a Argentina, você tem de pedir ajuda ao Brasil – dizia Mujica, antes de falar sobre a "velha" e o "caolho".
E arrematou:
– O caolho era mais político. Esta é teimosa.
Mujica ainda brincou com o comportamento de Cristina perante Jorge Mario Bergoglio, o papa Francisco.
– Ela não sabe o que está fazendo. A um papa argentino, ela foi explicar o que é um mate, uma térmica – disse, gesticulando, sobre o kit de mate que levou como presente ao compatriota no Vaticano e, enquanto desembrulhava os objetos, explicava como se usava.
Pouco depois, ao jornal uruguaio La República, Pepe disse que falou sobre o Brasil e Lula, que o visitava em Montevidéu ontem, e que "publicamente" não falou de Argentina.
Com a insistência do repórter, acrescentou deixando claro que não pensa em se desculpar:
– No vou dar bola para vocês nem vou percorrer o mundo esclarecendo nada. Que inventem os disparates que quiserem.
A notícia ganhou rapidamente destaque em sites de ambos os países. A frase tomou conta das redes sociais.
Até ontem à noite, a presidência argentina não havia se manifestado sobre o caso.
Veja o vídeo:
ZERO HORA

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PALETES E CAIXOTES DE MADEIRA NA SUA CASA JÁ!

Reencarnação e Alma dos Animais por Chico Xavier

A flor mais rara do mundo